Home

 
 

     Release | Agenda | Cifras | Album | Fotos | Letras | Músicas | Vídeo | Noticias | Contatos


Alda Célia é uma das intérpretes mais respeitadas da música gospel. Não apenas por ser dona de uma linda voz, mas também por ser uma ministra de louvor ungida. Além do mais é compositora de canções que têm falado profundamente ao povo de Deus, como “Deus do Impossível”. Dos sete CDs de sua carreira solo, ela lançou dois pela MK, Voar como a Águia e Jardim Secreto da Adoração. O ministério de Alda começou em Goiânia quando ainda criança. 

Ela foi descoberta por um casal de missionários norte-americanos que a ensinou teclado e teoria musical, já que mesmo pequena já estava envolvida com o louvor. Ainda adolescente, dirigiu corais e começou a compor. Aos 23 anos, na Comunidade Cristã de Goiânia, se tornou a primeira ministra de louvor do Brasil e ajudou a fundar o ministério Koinonya – só saindo com a transferência do grupo para Brasília. E também começou a desenvolver ministério solo paralelamente.  

O produtor deste novo trabalho, “Voar como a Águia”, foi Kleber Lucas, um dos principais cantores e produtores da atualidade, e, acima de tudo, amigo e companheiro de ministério desde os tempos do Koinonya. Kleber também emprestou sua banda para a gravação e cuidou dos arranjos. Outro detalhe importante é que Alda é compositora de todas as canções do CD, que traz a regravação de “Poder da Oração”, e músicas que revelam uma íntima comunhão com Deus.  

O primeiro CD pela MK traz 12 canções proféticas – sua marca mais forte – e a característica de quem vive para adorar. Alda não canta ou simplesmente executa suas músicas, pois se define como uma ministra que usa o canto para passar a mensagem de Deus. Por isso, cada faixa é vivida e interpretada com sentimento e liberdade, apesar de até seguir alguma estrutura. Gravar ao vivo, então, foi inevitável. Isso faz de Voar Como a Águia um dos mais belos e completos trabalhos já lançados. Não é à toa que rendeu um disco de ouro à cantora por mais de 100 mil cópias vendidas. Mas sua trajetória não parou por aqui. 

A cada dia é preciso estar buscando mais intimidade com Deus e resgatar novos valores, que são frutos de uma forte comunhão com o Senhor. Nasce, então, o seu novo CD, ao vivo: Jardim Secreto da Adoração, que “é o seu lugar de comunhão, onde não existe mais nada, além de você e Deus. Desde o início, Ele plantou um jardim para que o homem habitasse nele, e é nesse ambiente que a presença dEle se manifesta e a glória dEle é vista. 

É esse lugar que precisamos restaurar”, explica a cantora, que compôs 12 (uma em parceria com Fernanda Brum e Emerson Pinheiro) das 13 canções do CD (“Lugar Seguro” é assinada por Emerson Pinheiro e Marcus Salles), que apontam o caminho para esse jardim secreto. Estava tudo pronto para a gravação do sétimo CD solo de Alda (membro da Sara Nossa Terra da Barra/RJ) acontecer no Rio de Janeiro, quando ela sentiu que precisava ir para São Miguel do Araguaia, Goiás, de onde vem sua família. 

A gravação aconteceu na Igreja de Cristo, pastoreada pelo pai da cantora, pastor Jaime Caixeta. Além de 3 mil adoradores que marcaram presença na gravação, participam do CD um coral de 400 vozes, formado por membros de igrejas locais, e ainda os filhos de Alda - Giovanna Lyssa, 8 anos, e Nickolas Robert, 5 anos - na faixa “Lugar Seguro”. 

O trabalho também foi Disco de Ouro. A produção foi dividida entre Kleber Lucas e Emerson Pinheiro, e contou com uma equipe e tanto, que forma uma ficha técnica de peso. Afinal, o CD marca 15 anos da jornada que começou em Goiânia, no Ministério Koinonya. “Mostra-me Tua Glória” é a síntese de Jardim Secreto da Adoração e, por isso, foi escolhida como música de trabalho. “Adoração não é levar somente o som de louvor ao trono de Deus. Para mim, é reproduzir na terra o ambiente que existe no céu. E essa é minha missão: ser uma voz profética que gere ambiente da presença de Deus para que as pessoas possam conhecer de perto e experimentar a glória e o amor do Senhor”, decreta Alda, dispensando qualquer outro comentário.